"Não me arrependo de nada do que fiz lá dentro", é com esta frase que Pedro Fonseca, de 42 anos, terceiro classificado do programa 'Big Brother - A Revolução' começa uma entrevista onde falou à imprensa sobre tudo o que marcou a sua experiência no reality show da TVI.

"O meu jogo foi sempre ser sincero e dar boas energias a toda a gente", garante o ilusionista, que diz ter-se inscrito no programa para a mãe e os amigos ficarem a conhecê-lo melhor.

As dívidas fora do jogo

Quando entrou na casa mais vigiada do país, Pedro assumiu publicamente que tinha algumas dívidas por pagar e que queria usar o prémio para isso. Uma situação que fez agora questão de explicar.

"Eu trabalhava na aviação e tinha dois ou três cartões de crédito. E quando fiquei sem trabalho andei a gastar em viagens", conta, afirmando em seguida: "Agora já tenho algum para pagar, mas se fossem os 50 mil era melhor".

O namoro com uma menor de idade

Pedro foi duramente criticado pelos restantes concorrentes do 'BB' por ter dito que namorou com uma jovem de 17 anos. Situação que o deixou fragilizado e que foi para si o pior momento na casa.

"Senti-me mal com isso, fiquei a pensar no que as pessoas podiam pensar. Foi o momento mais forte lá na casa para mim, estarem a criticar-me por isso", recorda, garantindo, contudo, que esta situação em nada esteve relacionada com o facto de as raparigas terem optado por se afastarem de si.

Pedro assume que conheceu a ex-namorada quando esta era ainda menor de idade, com 16 anos, mas garante que apenas começou a namorar com a jovem depois de conhecer a sua família e de esta ter completado 17 anos.

A polémica com Sofia

Pedro e Sofia foram protagonistas de muitas das discussões que mais deram que falar nesta edição do reality show. Os dois não se entendiam e quando parecia que tudo estava bem, a antiga concorrente saiu da casa e não poupou críticas ao parceiro de jogo.

"Se calhar ela pensava que eu era forte e queria prejudicar-me para a Zena ganhar", afirma Pedro na tentativa de encontrar uma justificação para o comportamento de Sofia fora da casa.

Quanto ao possível interesse romântico entre ambos, o ilusionista conta: "Eu no início não tinha atração por ela, tinha pela Zena. Até achava que ela me dava muita atenção e que ela engraçava comigo". Porém, como "na casa não havia mais mulheres", Pedro passou a ter interesse na colega.

Apesar do seu alegado interesse, a verdade é que Sofia parece não estar disposta nem a ser sua amiga. Quando saiu do 'Big Brother', na gala de domingo, Pedro tentou falar com Sofia mas esta recusou qualquer aproximação, é o próprio quem o conta.

Pedro foi mau para Zena? "As pessoas não estão habituadas a sinceridade"

Pedro não tem dúvidas de que foi a sua relação e constantes discussões com Zena a 'roubar-lhe' a vitória. "Acho que isso me prejudicou", assume.

Ainda que com noção de que a sua atitude o lesou, o ilusionista não se arrepende de nada... nem mesmo do momento em que recusou desejar boa sorte a Jéssica e Zena depois de saber que tinha ficado em terceiro lugar na final.

"Se deixou algum queixume aos portugueses é porque as pessoas não estão habituadas a sinceridade", diz.

"Tinha jeito era para apresentar um programa"

Terminada a experiência na 'Revolução', Pedro queria "estar no 'Duplo Impacto'". Sem sombras de cansaço, mostra-se cheio de vontade para regressar aos reality shows.

Enquanto isso não acontece, são analisadas as possibilidades de um futuro no mundo artístico. Pedro gostava de se estrear como apresentador.

"Acho que até tinha jeito era para apresentar um programa. Sou muito versátil, posso fazer o que aparecer", garante, referindo ter talento para a televisão e também para a rádio.

E namoradas: Será que o 'BB' lhe trouxe muitas candidatas?

O antigo comissário de bordo diz que já recebeu mensagens de várias pretendentes mas assume: "Sou muito esquisito". Ainda assim, promete: "Quero conhecer toda a gente, quero tomar café com toda a gente. Tenho recebido mensagens muito giras a dizer que querem casar comigo [risos], mas também muitas pessoas a dizer que estavam em depressão e que saíram da depressão porque gostaram de ver a minha alegria".

Para já, ainda sem namorada, Pedro Fonseca promete continuar a aproveitar a vida, tal como tem feito até aqui. Até porque, garante, "eu sinto-me como se tivesse 27 anos.

Leia Também: Pedro quis falar com Zena fora do 'Big Brother' e acabou a ser bloqueado

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.