Na realidade, Geusz é aquilo a que podemos chamar um terra-a-terra no que respeita à inspiração para os seus engenhos de voo galáctico. O duche da manhã, uma ida ao restaurante, a gaveta da cozinha, servem de inspiração ao que, mais tarde, este norte-americano concebe em programas de desenho digital.

Sediado em Los Angeles, Eric demonstra a sua paixão pelo design de veículos futuristas a partir de objetos do quotidiano com os quais convive. O engenheiro assume-se como um apaixonado pelo desenho. “Formei-me em Ciência da Computação com especialização em cinema e ambientes digitais e tenho prática em 3D e animação”, revela o criativo em entrevista ao site InspirationGrid.

É ao serão que a apetência de Eric Geusz pelos mundos digitais se revela. A maqueta à mão nasce, por exemplo, inspirada numa embalagem de champô. A partir desta, o norte-americano concebe a forma elementar para o objeto espacial que modela em software de animação.

Na prática, o trabalho de Eric encaixa-se na Arte Conceptual, um campo muito vasto da criação humana que inclui, mais recentemente, as produções que nos apresentam mundos alternativos, inexistentes ou supostos.

Eric, um freelancer, publica regularmente os seus trabalhos em páginas de ficção científica.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.