Sarah Ferguson falou abertamente sobre as ações do ex-marido, o príncipe André, que causaram uma grande agitação no seio da família real britânica. "É incrivelmente difícil", afirmou em declarações à Vogue Arábia.

"Quando falo sobre o príncipe André, falo de família, porque os últimos seis meses têm sido difíceis para as minhas filhas e para mim", referiu a duquesa de York, de 60 anos.

"Ver um homem maravilhoso a passar por uma dor tão grande", lamentou, acrescentando: "Ele é o melhor homem que conheço. É incrível o que fez pelo Reino Unido e nada disto faz sentido. A saúde mental de alguém é importante e acho que é vital abordar-se isso", completou.

Recorde-se que o príncipe André foi acusado de ter uma relação íntima com uma mulher que à época era menor de idade. Para além disso, o filho da rainha Isabel II era amigo de Jeffrey Epstein, acusado de inúmeros crimes de assédio sexual.

Leia Também: Sarah Ferguson sobre Meghan Markle: "Já estive no lugar dela"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.