Tal como sucede com os seres humanos e com os animais, também as plantas necessitam de hidratação contínua. Com um bom borrifo de vez em quando, contraria a falta de humidade da sua casa e, ao mesmo tempo, consegue limpar as variedades botânicas que cultiva de forma rápida e eficaz. Utilize esta técnica também nas plantas do terraço, sobretudo nos períodos de maior calor. Use um pulverizador e água mole e coloque papel de jornal no solo para absorver a água que cai e não molhar o chão.

"Nos períodos de maior calor, pode pegar nos vasos das plantas, colocá-los na banheira e dar-lhe uma chuveirada, sem todavia encharcar a terra. Elas adoram", garante mesmo Teresa Chambel, arquiteta paisagista, autora de livros de jardinagem, blogger e diretora da revista Jardins. Algumas das espécies que decoram as casas portuguesas são originárias de regiões tropicais com climas quentes e húmidos, estando habituadas às chuvas leves e breves que as hidratam, um gesto que deve procurar recriar.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.