Com a proximidade das férias de Natal e Ano Novo, muitas pessoas aproveitam para viajar. É uma oportunidade para fazer uma pausa, conhecer novos destinos, mudar a rotina e descobrir algo novo.

Fazer uma viagem é, por definição, um prazer, uma diversão, uma ocasião para crescimento pessoal. No entanto, requer algumas precauções que por vezes esquecemos durante a azáfama dos preparativos, mas que podem evitar enormes contratempos.

Para garantir uma viagem tranquila, que permita desfrutar plenamente de todos os momentos sem perder tempo e gastar energia com frustrações e contrariedades, é necessário ter diversos cuidados que não devem ser esquecidos.

É muito importante saber prever e evitar todos os imprevistos sempre que vai viajar, principalmente se viaja na companhia de crianças ou idosos, que irão requerer atenções ou cuidados adicionais.

1. Saber gerir o seu tempo no dia da viagem

  • Chegar atempadamente ao aeroporto é fundamental, para que consiga fazer a tempo todos os trâmites que a sua viagem requer, nomeadamente o check-in, se não o tiver feito online ou se tiver bagagem para despachar. Passar o controlo de segurança e o controlo do SEF (para destinos fora da Europa), ter tempo de fazer uma compra ou paragem até ter de comparecer a horas na porta para embarcar para o avião.
  • Nunca se esqueça que durante qualquer percurso podem surgir surpresas menos agradáveis, como filas imensas onde poderá perder muito tempo até conseguir percorrer os canais todos necessários para sentar dentro do avião e seguir a sua viagem.

2. Estar ciente de todos os requesitos legais para a sua viagem

  • Levar sempre consigo toda a documentação válida e necessária para a sua viagem, documentos de identificação, autorizações devidamente autenticadas no caso de viajar com menores dos quais não seja tutor legal e, para a saída do menor de território nacional, requeira a autorização de um ou dos dois progenitores (ex. Pais divorciados).
  • Tenha sempre consigo o seu código de reserva.
  • Tenha toda a informação relativa ao transporte dos objectos permitidos, quer na bagagem que leva na mão, mas também na que irá despachar para o porão do avião.
  • Leia sempre com muita atenção o contrato da sua viagem.
  • Trate antecipadamente de vistos e ou vacinas necessárias para a entrada no país de destino, caso se aplique.

3. Levar identificação extra

  • No caso de perda ou furto dos seus pertences, será uma grande ajuda se tiver consigo um documento de identificação extra e/ou alternativo, como uma foto do seu documento original. Faça o mesmo com o seu código de reserva e o seu bilhete.

4. Levar contactos que podem ser úteis

  • Consoante o seu destino, faça o levantamento dos contactos que podem ser úteis e leve-os consigo. Por exemplo: SEF – Serviço de Estrangeiros e Fronteiras; aeroporto em Portugal; Consulado Geral de Portugal no país para onde vai fazer a sua viagem; agência de viagens e ou emissora do seu bilhete.

Com todas estas questões tratadas, pode manter a calma e aproveitar cada minuto. Vá tranquilamente para o aeroporto e lembre-se que estão sempre dotados de toda a sinalética necessária para todas as etapas da sua viagem, até entrar no avião.

Se sentir dificuldades, peça ajuda. Todos os profissionais que trabalham num aeroporto estão dotados da informação necessária para a encaminhar até ao ponto que procura.

Esteja sempre muito atenta aos monitores do aeroporto, onde vão sendo actualizadas todas as informações que deve cumprir para chegar a tempo da sua viagem.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.