Ontem, e ainda a propósito da decisão tomada por Harry e Meghan Markle em quererem afastar-se da realeza, o Page Six lançou um artigo no qual dava conta de Oprah tinha contribuído para esta decisão. "A Oprah foi a primeira pessoa a falar com o Harry e a Meghan acerca do afastamento e de se lançarem por conta própria, construindo a sua própria marca. Ela fez com que eles vissem que era possível".

Contudo, em declarações à revista People, a conhecida apresentadora norte-americana já se defendeu: "A Meghan e o Harry não precisam da minha ajuda para fazerem aquilo que acreditam ser o melhor para eles. Preocupo-me com eles e apoio-os independentemente das decisões que tomem para a sua família".

O Page Six deu ainda a entender que outras celebridades, como é o caso de Barack e Michelle Obama, George e Amal Clooney e Serena Williams terem contribuído para esta decisão.

Recorde-se que depois do assunto 'explodir', Meghan regressou ao Canadá enquanto Harry continua em negociações com a rainha Isabel II.

Leia Também: Harry e Meghan? "É como um 'Brexit real', mas não se pode sair assim"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.