Luís Carvalho encerrou o último dia da 46ª edição da ModaLisboa - Kiss, com a presentação da sua coleção 'Cold As Ice'.

A coleção conta com inspiração nas paisagens nórdicas gélidas, onde as forma do gelo e dos cristais sugerem linhas mais retas e volumosas para a silhueta, detalhes e padrões, enquanto que a tranquilidade e o silêncio destes locais vão originar formas mais leves e fluídas. As silhuetas querem-se XL, longas, fluídas e estruturadas, com cores como o branco, rosa pálido, cinzento, beringela e também preto. Os materiais desta coleção são baseados no algodão, na fazenda de lã, no cetim, nas sarjas, assim como na pele e no pelo.

O terceiro dia teve início com o desfile de Kolovrat, que aconteceu na Marinha Portuguesa, com o tema 'Your Favorite Team is Playing', que apresenta uma certa polaridade como o dia e noite, o preto e a cor, a calma e o movimento.

No espaço do BPI, na Praça do Municipio, Awaytomars apresentaram a sua coleção para o próximo outono/inverno, com o tema 'Awaytomars 446'. Esta coleção é o resultado da junção das mãos criativas no desenvolvimento de uma peça única, explorando nas interações o conceito da plataforma sobre as roupas reais, numa colaboração contínua.

De volta ao Pátio da Galé, foi a vez de Saymyname pisar a passerelle com a coleção 'Electriccable', que se define pelo padrão psicadélico, pela luz dos relâmpagos e também pelos cabos elétricos.

De seguida Nadir Tati, deslumbrou tudo e todos com as suas influências angolanas, ao apresentar a coleção 'A voz de Angola'. Este foi o tema da coleção do próximo outono/inverno, que foi inspirada na situação atual da mulher Angolana no mundo, caracterizada pelo sublime dos vestidos de noite dourados e vermelhos trabalhados ao detalhe.

Depois de Piotr Drzal, seguiu-se um dos momentos altos da noite com o desfile de Filipe Faísca 'New Age' que contou com a presença de algumas caras conhecidas, como Manuela Moura Guedes, Pedro Crispim e Sofia Baessa. Sobre a coleção, esta encontra-se inspirada num universo New Age onde as mulheres vestem branco, vestem preto e vestem cor, sem receios, assim como nutrem-se das implosões emocionais que são provocadas por beijos surpresa e encontros súbitos.

Em penúltimo lugar Dino Alves apresentou 'Novos Reis', que mostrou uma crise no mínimo irónica, numa época de crise que tem como fonte de inspiração um universo faustoso onde a riqueza, o luxo e a ostentação são condições de vida de uma classe alta, com património familiar e linhagem nobre, regidos por valores tradicionais ainda que muitas vezes denunciem alguma hipocrisia.

Saiba tudo o que se passou nesta ModaLisboa, no nosso dossier especial 46ºModaLisboa - KISS.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.