1. Misturar água com gás ou refrigerante com vinagre para obter uma massa mais fofa

O refrigerante ou água com gás para ser usado como fermento em pó precisa de um ambiente ácido. A mistura com vinagre provoca realmente uma reação de efervescência, mas é apenas o dióxido de carbono a libertar-se rápida e fugazmente. O ideal é misturar o líquido gaseificado com os ingredientes secos e depois usar um ácido, preferencialmente sumo de limão.

2. Para descascar ovos mais facilmente, colocar a cozer com água já a ferver

Cozer ovos pode ter muito que se lhe diga. Conseguir uma boa cozedura e sobretudo tirar a casca depois, consegue-se mergulhando os ovos em água a ferver e não fria. Mas cuidado porque a diferença de temperatura pode rebentar o ovo.

3. Para limpar um tacho queimado, colocar água e sal

Muitos livros de culinária recomendam que, para se remover o queimado de um tacho, deve encher com água e muito sal e ferver. Testámos e fica tudo na mesma. A solução mais eficaz parece ser colocar água morna e deixar assim de um dia para o outro.

4. Tirar cheiro de peixe dos pratos e mãos com limão

O cheiro a peixe nas mãos nem sempre é fácil de tirar. Há quem diga que lavar com água corrente e esfregar posteriormente limão liberta o cheiro. E parece resultar. Temos, então, um facto.

Mito ou facto? 10 mezinhas das cozinhas das nossas mães .

 5. Conservar queijo no plástico ou papel vegetal

O queijo no frigorífico tem tendência a secar. Saber a melhor forma de o conservar pode ser útil para os amantes desta iguaria. Faça a experiência: guarde, durante três dias no frigorífico, uma fatia de queijo envolta em plástico e outra em papel vegetal. Vai perceber que o queijo conservado no plástico estava menos seco.

6. Cortar cebolas sem chorar

Cortar cebola pode assemelhar-se a um grande desgosto, pelo menos pela quantidade de lágrimas que muitas vezes vertemos. Uma forma de atenuar esta situação é molhar a faca com água e cortar a cebola com a faca húmida.

7. Descascar batatas cozidas de forma fácil e sem queimar

Tirar a casca da batata cozida nem sempre é fácil. Normalmente, deixamos arrefecer um pouco, mas ainda assim queimamos os dedos. Diz a sabedoria popular que uma boa forma de saltar este passo mais doloroso é mergulhar as batatas em gelo, que ajuda a libertar a pele. É eficaz.

O estranho mundo das bactérias, fungos e parasitas dentro das nossas cozinhas

8. Arrefecer bebidas quentes envoltas em gelo e sal

Coloque uma bebida quente numa taça e encha-a com gelo e espalhe sal. Este vai fazer o gelo derreter e a temperatura vai baixar, arrefecendo a bebida em poucos segundos.

9. Cebolas amargas? Regue-as com água a ferver

Depois de cortar as cebolas, coloque-as numa taça e regue-as com água a ferver. Deixe repousar por um ou dois minutos e depois seque. Resulta.

10. Com cebola, evitamos que o abacate fique negro

Depois de partir o abacate, rapidamente as partes cortadas ficam negras quando deixadas no frigorífico. Diz-se que guardar num saco com metade de uma cebola, evita esta oxidação. Mas este processo revelou ser um mito, porque guardando uma parte do abacate num saco sem cebola oxidou da mesma forma do que com cebola.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.