Numa nota enviada às redações, a OCDE adianta que a decisão de adiar por um ano a realização do inquérito e a publicação dos resultados estende-se também à edição seguinte, que teria lugar em 2024.

“Devido à crise da covid-19, os países membros da OCDE decidiram adiar os próximos dois inquéritos PISA. Os estudantes realizam agora o teste em 2022, não 2021”, lê-se no comunicado.

Adiada a data da realização dos inquéritos, a publicação dos resultados também acontece um ano mais tarde do que habitualmente.

Assim, o oitavo relatório PISA é publicado apenas em dezembro de 2022 e os resultados da edição seguinte, que acontece em 2025, e não em 2024, serão conhecidos em 2026.

O Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA) da OCDE é o maior inquérito que avalia o desempenho escolar a nível mundial e realiza-se de três em três anos, desde 2000.

O inquérito em que Portugal participa desde a primeira edição mede o desempenho dos alunos de 15 anos em competências como leitura, matemática e ciências, avaliando ainda outras questões como o ambiente escolar e as condições de equidade na aprendizagem.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.