Andava a passear num centro comercial, em São Paulo, no Brasil, quando chamou a atenção de um olheiro da agência de manequins Elite. Tinha 14 anos. Pouco depois, foi selecionada para o concurso de modelos Elite Model Look, que na altura se chamava Look of the Year. Não ganhou mas o segundo lugar abriu-lhe portas. Gisele Bündchen trocou, então, a pequena cidade de Horizontina, no Rio Grande do Sul, por São Paulo. Aos 16 anos, já desfilava na Semana da Moda de Nova Iorque, nos EUA.

Descendente de alemães, a modelo, empresária, escritora, atriz e ativista ambiental, que hoje faz 40 anos, ambicionava ser jogadora de voleibol em criança, mas a paixão pela moda acabaria por levar a melhor. A primeira deslocação à Europa, em 1997, acabaria, contudo, por revelar-se um desafio maior do que aquele que esperava. Das 43 provas que fez para desfiles, só foi aceite em duas. Mas, logo no ano seguinte, brilhou com criações de Alexander McQueen, Dolce & Gabbana, Chloé, Versace e Ralph Lauren.

No final da década de 1990, Gisele Bündchen soma convites. As capas de revistas sucedem-se a grande velocidade e os contratos milionários também. Entre 1998 e 2003, entrou em todas as campanhas de moda da Dolce & Gabbana. Em 2006, regressou para dar a cara pelo perfume The One, que promoveu até 2009. Em 2000, a Victoria's Secret contratou-a para desfilar com o sutiã mais caro de sempre até então, uma peça de lingerie que custava 15 milhões de dólares, mais de 13,1 milhões de euros.

Estudou para ser médico mas foi na moda que construiu o império que lhe deu fama e fortuna. Giorgio Armani faz hoje 86 anos
Estudou para ser médico mas foi na moda que construiu o império que lhe deu fama e fortuna. Giorgio Armani faz hoje 86 anos
Ver artigo

Durante os sete anos em que ostenta o título de anjo da marca assina o maior contrato que a popular etiqueta de roupa interior norte-americana alguma vez propôs a uma manequim, ultrapassando os valores oferecidos a modelos como Tyra Banks, Alessandra Ambrosio, Helena Christensen, Heidi Klum, Adriana Lima ou ainda a portuguesa Sara Sampaio. No auge da fama, lança a marca de calçado Ipanema, que só em 2010 vende mais de 250 milhões de pares. Quatro anos antes, tinha-se estreado como atriz nos filmes "Táxi de Nova Iorque" e "O Diabo veste Prada". Em 2011, a Procter & Gamble contrata-a para promover a gama de champôs Pantene na América Latina. As vendas aumentam 40%.

Em 2012, a revista Time inclui Gisele Bündchen, que continua a faturar como nunca, na lista dos 100 maiores ícones da moda de todos os tempos. Em 2018, escreve a biografia "Lessons: My path to a meaningful life". As vendas do livro revertem a favor das causas sociais e das iniciativas de sensibilização ambiental que apoia. Casada com o desportista norte-americano Tom Brady, de quem tem dois filhos, desde 2009 a ex-namorada do ator Leonardo DiCaprio é adepta do ioga e da meditação transcendental.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.