Cristina Castãno, protagonista da série da Netflix "Toy boy", uma das mais vistas em Portugal no primeiro semestre deste ano, está de férias no Egito, depois de ter passado pela Itália e pela Grécia nas últimas semanas. A intérprete da pérfida e manipuladora Macarena Medina de Solís está fascinada com a beleza dos templos egípcios e ainda mais encantada por poder visitá-los sem a habitual confusão de turistas que costumava existir antes da pandemia viral de COVID-19 que mudou o mundo.

"É um luxo poder ver isto sem gente", confessa a atriz espanhola de 41 anos, nascida em Vilalba, na Galiza. "Não imaginam a energia que se respira nos templos de Luxor, lugares sagrados onde se realizavam cerimónias de culto aos deuses e se enviavam mensagem. Ainda hoje se consegue sentir", desabafa Cristina Castaño. "Mas o que eu mais queria era poder passar aqui [templo mortuário de Hatexepsute, localizado no complexo de Deir Elbari] a noite e observar as estrelas a partir deste templo sagrado", confidencia.

"Tenho sido muito feliz no Egito", revela a artista, que no final de setembro publicou nas redes socais fotografias da praça de São Pedro, no Vaticano, vazia, como pode ver de seguida. "Estou quase sozinha", informou, na altura, a intérprete de Macarena Medina de Solís, que acaba de ser distinguida com um prémio Aquí TV pelo seu papel em "Toy boy". A série da Netflix foi renovada para uma segunda temporada. O anúncio foi feito pelo realizador Javier Quintas durante o Festival Cinefan de Úbeda, em Espanha.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.