Foi em março de 2020, poucos dias depois de ser decretado o primeiro Estado de Emergência, que Portugal se uniu numa sentida homenagem aos profissionais de saúde que enfrentavam a pandemia da covid-19. A partir das janelas e varandas de todo o país, ecoaram aplausos e o ator Marcantonio Del Carlo sugere que o gesto se volte a repetir.

"Em março de 2020 não tínhamos o caos que agora se vive nos hospitais portugueses", referiu numa mensagem nas suas redes sociais.

E continuou: "Nessa altura, o número de óbitos não era tão elevado. As ambulâncias não faziam fila para entregar os seus doentes. Não, nessa altura não estávamos a viver uma catástrofe como agora".

"Mas a verdade é que íamos para a varanda bater palmas, cantar o hino, tudo para dar força a quem como hoje continua na linha da frente a lutar para salvar vidas. Agora que estamos mesmo muito mal não devíamos voltar a marcar uma hora nas redes socias para irmos homenagear nas nossas varandas os nossos heróis?", rematou.

Concorda com a sugestão do ator?

Leia Também: Marcantonio Del Carlo assinala os seis meses de vida da filha

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.