Para promover "T.O.M./Truth over magnitude", o novo disco que lança no próximo dia 2 de novembro, Conchita Wurst, que agora se identifica apenas como Wurst, fez uma produção fotográfica nua onde exibe o corpo masculino. Depois de ter rapado o cabelo no início do ano, a mulher barbuda que ganhou o Festival Eurovisão da Canção de 2014, como muitos então lhe chamaram, tem adotado um visual assumidamente menos feminino.

O último ano tem sido de mudança constante para alter ego de Thomas Neuwirth, o cantor austríaco de 30 anos que a criou. Os longos vestidos têm sido, muitas vezes, substituídos por calças justas, bodies, macacões curtos e transparências coleantes, como pode ver na galeria de imagens que se segue, numa estratégia de evolução e de distanciamento da personagem que é cada vez mais assumida pelo intérprete de "Rise like a phoenix".

Em março, Thomas Neuwirth já tinha dado a entender que o fim de Conchita Wurst poderia estar próximo. "Devo matá-la", confidenciou o cantor. "Tenho a sensação que quero criar uma nova personagem. Talvez daqui a 20 anos, talvez no próximo ano... Não faço ideia! Mas em momento algum me senti desconfortável com o facto de ser visto como uma mulher", assumiu mesmo o artista sem, contudo, avançar uma data para a mudança.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.