Em 2010, após anos a laborar em agências de publicidade, Ângela Silva lançou a sua primeira marca de pão biológico, a Miolo. Para Ângela, a fermentação natural e a utilização de matérias-primas de origem biológica deram mote à produção de um pão associado ao estilo de vida saudável que sempre procurou seguir.

Em 2018 pós oito anos a concretizar a sua paixão, Ângela e João Faria, parceiros em todas as iniciativas lançavam uma marca de pão biológico sem glúten e com recurso a leveduras selvagens.

Isto no mesmo ano em que os escaparates conhecem o segundo livro desta fazedora de pães de saber ancestral. Com a chancela da editora Manuscrito chega às livrarias “O Livro do Pão sem Glúten”, sucedendo ao primeiro título, “O Livro do Pão” (2015).

Livro: Num mundo de maus pães que nos cheguem à mesa os de boa massa

Uma obra que nasce considerando o número crescente de pessoas a optar por uma dieta sem glúten. “Ou porque sofrem de doença celíaca, ou de sintomas de sensibilidade não celíaca, ou porque têm intolerância ao trigo, ou simplesmente por opção”, como podemos ler na resenha ao livro, que acrescenta: “Com o aumento da procura de alimentos sem glúten, surgiram no mercado pães que apesar de não terem glúten têm pouco interesse nutricional e são feitos com ingredientes pouco saudáveis”.

Ângela Silva mostra-nos, em mais de 60 receitas, como fazer o nosso próprio pão sem glúten, sem lactose e 100% vegan, de forma fácil e prática, e com pequenos truques, porque também eles são “a alma do negócio”.

As receitas recorrem a ingredientes como o trigo-sarraceno, o teff, a aveia, o millet ou o sorgo. Pães especiais, pães a pensar no pequeno-almoço e lanche dos miúdos, massa de piza, e ainda bolachas, tartes e galetes.

A obra chega aos escaparates com o preço de 17,90 euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.