O fim de semana terminou com uma notícia que marcou o mundo e que continua a estar em destaque. Os talibãs tomaram o controlo de Cabul este domingo, 15 de agosto, e foram muitos os famosos que recorreram às redes sociais para chamar à atenção sobre o que se está a passar no Afeganistão.

Várias caras conhecidas portuguesas lamentaram o sucedido e envolveram-se numa onda de apelos.

Nuno Markl, por exemplo, foi uma das figuras públicas que fez questão de falar abertamente sobre o que se está a passar, tendo "traduzido para português a lista de proibições talibãs relativas às mulheres, uma recolha da Associação Revolucionária das Mulheres do Afeganistão e da ABC Internacional".

"Talvez muitos de vós não tenham a noção do quanto isto representa de total e completa obliteração da identidade e, praticamente, da própria existência das mulheres. Basicamente, deixam-nas respirar - e talvez baixinho, porque elas não podem ser ouvidas de maneira alguma", acrescentou numa publicação que fez na sua página de Instagram.

"Eu sabia que era terrível, mas acho que não tinha a ideia total do quão terrível é", afirmou.

Por sua vez, Diogo Amaral escreveu: "É desumano, violento, horrível o que está a acontecer no Afeganistão".

Também Carolina Deslandes fez um vídeo onde detalha toda a informação sobre o que se está a passar no Afeganistão, afirmando que "é da nossa responsabilidade exigir uma intervenção".

Leia Também: Afeganistão? "É da nossa responsabilidade exigir uma intervenção"

Veja outras das muitas publicações de caras conhecidas na galeria.

Leia Também: "Apelo a quem de direito para que faça alguma coisa no Afeganistão"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.