Uma cena da novela da TVI 'Festa é Festa' está a dar que falar mas não pelos melhores motivos. Protagonizada pela personagem a que Inês Herédia dá vida, Nelinha, a atriz fez questão de responder a todas as críticas através de um vídeo que publicou na sua conta de Instagram.

"Estou a fazer este vídeo por causa de alguns comentários que foram surgindo nas minhas redes sociais por causa do trabalho que está a ser desenvolvido com a minha personagem, a Nelinha, na novela 'festa é Festa'", começa por introduzir.

"Os comentários são a acusar-nos, a nós - que estamos a desenvolver a personagem - de 'gordofobia'", contextualiza, usando uma expressão que se tornou comum para designar o preconceito que em relação a pessoas com peso acima da média.

"Queria dizer três coisas sobre isto: a primeira é que sou completamente 'anti' qualquer tipo de comentários sobre o excesso de peso ou o pouco peso de quem quer que seja, precisamente por já ter sofrido bastantes distúrbios alimentares", nota.

"Segundo ponto: todas as frases que vocês viram na emissão em que a Nelinha faz referência ao peso de alguém, às gordas, às magras, todas essas intervenções são improvisações minhas. Se precisarem de imputar culpa a alguém, imputem-na a mim porque fui eu que improvisei isso. A sugestão foi minha, a culpa é minha, se houver culpa", continua.

"A terceira coisa é que ao longo da história do cinema, teatro, televisão e até da literatura, principalmente na comédia, mas no fundo em todos os estilos, há muito esta personagem que é altamente bully com tudo aquilo que a rodeia", relembra, dando exemplos de séries atuais como 'Uma Família Muito Moderna'.

"A Nelinha é uma bully, ninguém acredita naquilo que ela está a dizer. Nas cenas em que ela faz isto, todas as outras personagens que lhe dão contracena estão a achar aquilo absolutamente inacreditável. Ninguém aqui deste lado está a querer perpetuar um preconceito gigante que a nossa sociedade tem, antes pelo contrário. Estamos a querer mostrar que ele existe", continua.

"Esta mulher é capaz de ser das personagens mais infelizes desta trama, por uma simples razão: é completamente obcecada pela imagem e principalmente pela imagem que não tem e que gostava de ter. Ela projeta nos outros tudo aquilo que ela gostava de ser. Tem ideia atrás de ideia, porque a vida dela não é suficientemente boa. Precisa de cascar nos outros porque é infeliz. [...] Esta pessoa existe e tem de deixar de existir. Para deixar de existir é preciso ridicularizá-la e é o que estou a fazer com a Nelinha", completa.

Leia Também: Ana Guiomar comenta cena atrevida com Pedro Teixeira em 'Festa é Festa'

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.