Um homem de 54 anos, do estado norte-americano de Massachusetts, morreu após consumir alcaçuz preto - uma espécie de guloseima - durante vários dias, revelam médicos num estudo cientifico agora publicado.

O homem, cuja identidade não é revelada, não apresentou nenhum sintoma antes de sofrer uma paragem cardíaca num restaurante de fast food.

O caso foi publicado na revista médica New England Journal of Medicine (NEJM) e segundo os autores do estudo a causa da morte foi uma intoxicação por ácido glicirrízico.

As propriedades surpreendentes do alcaçuz explicadas por um médico
As propriedades surpreendentes do alcaçuz explicadas por um médico
Ver artigo

"Disseram-nos que este paciente tinha uma dieta pobre, mas rica em doces", revelou à BBC um dos investigadores, Elazer R. Edelman.

Segundo o médico, o ácido glicirrízico - o ingrediente ativo do alcaçuz preto - pode causar "hipertensão, hipocaliemia, alcalose metabólica, arritmias fatais e insuficiência renal".

A hipocaliemia severa ocorre quando os níveis de potássio no sangue tornam-se perigosamente baixos, escreve a BBC.

Segundo outro médico citado pela radiotelevisão britânica, Andrew L. Lundquist, um "doce com alcaçuz é a causa mais provável da hipocaliemia" neste homem.

O que é o alcaçuz?

O alcaçuz, Glycyrrhiza glabra (em inglês, licorice), é considerada uma das mais importantes plantas a nível terapêutico, sendo o seu espectro de utilização bastante amplo. As suas propriedades benéficas têm sido exaustivamente investigadas, mas o seu uso data de há vários séculos. Existem, por exemplo, referências bibliográficas às virtudes do alcaçuz por parte dos gregos.

O alcaçuz é uma planta selvagem, mas atualmente é cultivada em grande escala, devido ao valor da sua raiz. É habitual encontrá-lo no Sudeste Europeu e na Ásia. Uma das utilizações mais comuns desta planta é como agente edulcorante, visto possuir um poder adoçante 50 vezes superior ao da sacarose (açúcar).

Daí a origem do seu nome, Glycyrrhisa, do grego glykys que significa doce e riza, raiz. Devido ao seu elevado poder adoçante, são muito comuns os doces elaborados à base de alcaçuz. Atualmente, é utilizado em grande parte por industrias de fabrico de cerveja, tabaco, confeitaria, entre outras.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.