Nunca ambicionou ser mais do que aquilo que já era. «Gostava de ser a rainha do coração das pessoas mas não me vejo a ser a rainha deste país», afirmou, uma dia, Diana de Gales em entrevista ao jornalista da BBC Martin Bashir. «Não sou uma figura política. Sou uma figura humanitária e sempre o serei», disse noutra altura. Duas décadas após a morte da eterna princesa do povo, (re)descubra algumas das suas frases mais inspiradoras.

1. Faça apenas o que o seu coração lhe sugere. Nunca conseguirá fazer nada de bom se não o sentir [dessa forma].

2. Talvez estejamos demasiado embaraçados ou demasiado assustados para [enfrentarmos] as consequências de mostrar que até nos preocupamos [com os outros]. Mas por que não arriscar? Comece já hoje! Não tenha problemas em praticar o bem sem ter esperança de receber algo em troca. A ideia de que alguém, um dia, poderá fazer o mesmo por si deve ser suficiente.

3. Todas as pessoas têm de ser valorizadas. Toda a gente tem potencial.

4. Dizem que é melhor ser pobre e feliz do que rico e miserável. E que tal existir um compromisso entre ser meramente remediado e apenas ligeiramente taciturno?

5. O grande problema do mundo , hoje em dia, é a intolerância. As pessoas são tão intolerantes umas com as outras...

6. Eu não sigo as regras dos livros. Eu conduzo [a minha vida] com o coração e não com a cabeça. Será isso um sinal de fraqueza?

7. As pessoas de idade sentem-se pouco amadas. Esse é, atualmente, um dos grandes problemas do mundo. Eu sei que lhes posso dar atenção e amor durante um minuto, meia hora ou um mês e faço-o. Fico muito feliz por o poder fazer, até porque quero muito fazê-lo.

8. Eu quero que os meus filhos entendam as emoções das outras pessoas, que percebam as suas inseguranças, os seus medos, as suas esperanças e também os seus sonhos.

9. Não há melhor forma de desmantelar uma pessoa do que a isolar!

10. Eu fui educada com a ideia de que, quando assumimos um compromisso [amoroso] com uma pessoa, temos de a amar.

Veja na página seguinte: Outras afirmações de Diana que vale a pena recordar

11. A solidão é o pior problema o mundo. Um problema que consome constantemente o coração de uma pessoa, levando-a a odiar e a sentir raiva. É como uma ferida no coração. Um tipo de ferida que não desaparece com um beijo ou um abraço. As únicas coisas que a fazem desaparecer são o amor e a compaixão, outro coração humano que as arranque do inferno [em que vivem].

12. Não há braços que nos confortem como os braços de uma mãe.

13. Sou um espírito livre. Há pessoas que não gostam [disso] mas é assim que eu sou!

14. Estar constantemente sob escrutínio público dá-me uma responsabilidade especial, particularmente a de recorrer ao impacto [das imagens] dos fotógrafos para transmitir uma mensagem, para sensibilizar o mundo para causas importantes e para defender determinado tipo de valores.

15. Se fossem os homens que tivessem os bebés, cada um deles só teria um [filho]!

16. As pessoas queriam que aparecesse a princesa dos contos de fadas, que lhes tocasse e que transformasse tudo à sua volta em ouro. Mal eles sabiam que [essa princesa] no seu íntimo se crucificava permanentemente porque achava que não estava à altura [das aspirações dessas pessoas].

17. O HIV não torna as pessoas [que têm sida] perigosas. Por isso, podem apertar-lhes as mãos e dar-lhes um abraço. Só Deus sabe o quanto elas precisam dele!

18. O mundo está muito pouco ciente do desperdício de vida, de membros [humanos] e de terras que as minas terrestres antipessoais estão causando entre algumas das pessoas mais pobres da terra.

19. Eu trabalho muito com base no instinto. É o meu melhor conselheiro.

20. Eu nunca devia ter brincado com o fogo e brinquei. E fiquei muito queimada!

Texto: Luis Batista Gonçalves

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.