Como é que vão ser os penteados masculinos depois do período de confinamento? Esta foi uma das muitas perguntas feitas a Mariano Di Vaio, o mais popular blogger italiano, durante um direto na rede social Instagram. O influenciador digital, manequim, designer de moda, ator e empresário italiano de 30 anos, que é o rosto global do perfume K de Dolce & Gabbana, não demorou tempo a responder. "Acho que vamos assistir a duas grandes tendências", vaticina o empreendedor.

"Vamos passar a ver homens com penteados muito curtos, que são aborrecidos. Eu já estou um bocado farto deles, confesso, mas, durante a quarentena, foram muitos os que cortaram os cabelos em casa, que cometeram erros e que agora vão ter de os rapar. Eu conheço muita gente nessa situação, por isso contem com penteados muito curtos", antecipa Mariano Di Vaio. No lado oposto, estão os homens que resistiram à tentação de pegar numa tesoura, também eles insatisfeitos.

"Muitos deixaram crescer o cabelo, como foi o meu caso. Em apenas dois meses, a minha franja cresceu cinco centímetros", mostrou o italiano num direto com os admiradores na internet. "Os homens que tiverem belos cabelos devem mantê-lo maior, com um bom corte", recomenda o popular fashion blogger. "A tendência vai ser o homem ter muito cabelo. Deixem-no continuar a crescer, se tiverem essa possibilidade", sugere Mariano Di Vaio, um dos homens mais desejados de Itália.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.