Rosário e Fernando, com 62 e 70 anos respetivamente, ambos infetados com o vírus SARS-CoV-2, causador da COVID-19, deram o nó no dia 4 de fevereiro num hospital da região de Madrid, em Espanha. Ambos foram infetados pelo filho.

O casal de namorados estava hospitalizado desde 23 de fevereiro com sintomas graves da doença como insuficiência respiratória, tosse e febre alta.

Assim que Rosário e Fernando chegaram à unidade hospitalar foram separados. Fernando acabou por enviar uma mensagem a Rosário através da aplicação WhatsApp na qual a pediu em casamento.

A equipa hospitalar do Hospital de Emergências Enfermeira Isabel Zendal tratou de ajudar o casal a organizar o casamento, decorando o quarto onde Fernando estava internado, onde decorreu a cerimónia, uma vez que Fernando precisa de ventilação não invasiva.

O casamento decorreu na presença dos profissionais de saúde.

Reprodução/TeleMadrid
Reprodução/TeleMadrid

Fernando e Rosário trocaram os votos de casamento e não dispensaram um beijo. A cerimónia foi ainda celebrada com direito a bolo. O padre celebrou a cerimónia através de videochamada.

A pandemia de COVID-19 provocou, pelo menos, 2.310.234 mortos no mundo, resultantes de mais de 105,7 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 13.954 pessoas dos 761.906 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Veja o vídeo: Como é que o sistema imunitário ataca bactérias, vírus e parasitas?

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.